“Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito” (Provérbios 4.18).

Neste mundo, ainda que o homem alcance a melhor marca de bondade e piedade, jamais conseguirá atingir o ápice da perfeição. Perfeito e sem nenhuma mancha ou pecado só houve um na face da terra: Jesus Cristo, o Filho de Deus. A perfeição dar-se-á quando o salvo em Cristo parte desta vida para a glória, ou seja, para a outra vida, a vida eterna com Deus. Se você e eu se esforçarmos e mantermos a nossa luz constantemente acesa, não permitindo que falte o azeite (Espírito Santo) em nossas vidas, certamente, alcançaremos a perfeição: a vida eterna com Cristo. Sem fé é impossível agradar a Deus, porém, para alcançar a perfeição e poder contemplar a face do Senhor nosso Deus, é preciso viver em constante santificação: “Sem santificação ninguém verá a Deus”. Se eu e você permanecermos firmes na fé e não deixarmos a esperança desvanecer, poderemos alcançar o dia perfeito.