Então Acabe falou a Nabote, dizendo: Dá-me a tua vinha, para que me sirva de horta, pois está vizinha ao lado da minha casa; e te darei por ela outra vinha melhor: ou, se for do teu agrado, dar-te-ei o seu valor em dinheiro. Porém Nabote disse a Acabe: Guarde-me o Senhor de que eu te dê a herança de meus pais. Então Acabe veio desgostoso e indignado à sua casa, por causa da palavra que Nabote, o jizreelita, lhe falara, quando disse: Não te darei a herança de meus pais. E deitou-se na sua cama, e voltou o rosto, e não comeu pão” (1 aos Reis 21.2-4).

Hoje em dia, se a pessoa que se diz crente em Jesus Cristo, não vigiar com prudência ela poderá ceder as pressões externas, geralmente, por parte de pessoas que julgam-se superiores a nós em todos os quesitos da vida, até mesmo no espiritual. Muitas vezes o cristão paga um preço altíssimo por não saber dizer “não”, ou “sim” ou por não atentar e confiar nas promessas de Deus e em Sua gloriosa Palavra. A fé e a confiança em Deus jamais deve ser negligenciada. Nabote foi um israelita que nasceu em Jezreel, no tempo do rei Acabe e que recusou vender a sua bela vinha para o rei de Israel, que a pretendia adquirir por uma quantia bem pequena, uma ninharia, a fim de realizar os caprichos de sua esposa a rainha Jezabel. O rei ficou furioso porque não estava acostumado a ouvir um não. Satanás, também, fica enraivecido quando o crente lhe diz não, não cedendo as suas tentações e ofertas enganosas. Cada cristão que valoriza a sua fé e por ela luta até à morte, deve permanecer firme em seus propósito e não ceder aos caprichos desse mundo e as ofertas promovidas pelo inimigo de nossas vidas. Nabote tinha uma posição firme a qual lhe custou muito caro, a própria vida, porém, Deus saiu em seu socorro e puniu tanto a Jezabel como Acabe, matando-os terrivelmente. Não podemos perder a nossa herança adquirida por preço tão valioso, o sangue de Cristo que nos remiu de todo pecado. A nossa herança é formosa: “O Senhor é a porção da minha herança e do meu cálice; tu sustentas a minha sorte. As linhas caem-me em lugares deliciosos: sim, coube-me uma formosa herança. Louvarei ao Senhor que me aconselhou; até os meus rins me ensinam de noite. Tenho posto o Senhor continuamente diante de mim; por isso que ele está à minha mão direita, nunca vacilarei” (Salmos 16.5-8). Não ceda às pressões que colocam a sua fé em jogo. Valorize os bens que você recebeu do Senhor!