“Então, disse o Senhor a Moisés: Por que clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que marchem” (Êxodo 14.15).

 As táticas aplicadas no futebol nos ensinam sobre a nossa maneira de viver ao lado de Cristo. Colocar o time no ataque é quando o técnico precisa de um resultado mais elástico ou mesmo da vitória. A retranca é outra forma de se jogar e ocorre quando o time precisa ser cauteloso e adota a tática extremamente defensiva, contra um adversário esperto, ou seja, fica esperando o antagonista atacar, e nessa modalidade quase sempre toma um gol podendo até perder importante partida ou até mesmo uma COPA mundial. Na vida cristã, é muito comum as pessoas optarem em se defenderem dos ataques do inimigo. O apóstolo Paulo foi um atleta cristão que mais se lançou ao ataque no Novo Testamento. Ele não parava de lutar contra as hostes de Satanás. Paulo quando saiu de Damasco foi para Antioquia na Síria e depois não parou mais, procurando sempre o objetivo maior da Igreja de Cristo: a evangelização dos povos. Ele jamais deixou de buscar a vitória, sempre se lançou no ataque. A retranca pode significar, também, a capacidade de se manter na luta, ainda que a adversidade, a situação seja extremamente difícil, penosa e cansativa. Para Paulo não tinha tempo ruim, ele não gostava de ficar na retranca, mas atacava sempre. Quando se procurava por ele em Antioquia, ela já havia se deslocado para Salamina, Pafos, Perge, Derbe, Listra, Icônio, Antioquia da Písidia, etc. Ele só parava quando era preso, e mesmo assim, na prisão, ele procurava escrever cartas doutrinárias para as Igrejas estabelecidas por onde ele havia passado. Moisés certa vez estava somente na defensiva, na retranca. Ele orava, orava e orava. Os egípcios cada vez mais próximos vinham com seus exércitos para levar de volta o povo de Israel cativo à presença de Faraó, porém, Deus, como um grande técnico e com visão poderosa de ataque, mandou Moisés e o povo marcharem, irem em direção ao mar e foi ai que o milagre aconteceu. Quantas vezes o Senhor já falou para você que precisas marchar, avançar, se lançar à obra e você não o obedece? Saiba que o Deus todo poderoso é quem conduzirá a sua vida, tão somente é preciso que creias nEle e no mais Ele tudo fará. Você tem ouvido a voz do Senhor, mas continua orando se é ou não da vontade dEle você realizar tal tarefa e com isso o tempo está correndo e Satanás fazendo gols, e o seu time (seu ministério, sua família, etc) perdendo as principais batalhas. Deus te diz neste momento: saia da retranca e avance. Paulo disse: “Irmão, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado, mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam e avançando para as que estão diante de mim, prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus” (Fp 3.13,14). Sai da retranca hoje mesmo e comece a jogar no ataque. Faça o inimigo, as circunstâncias adversas, o medo, a doença, a depressão, a tristeza, a angústia, perderem suas forças, basta confiar no Senhor Jesus.  Retranca, também é resistir: “…resisti ao Diabo e ele fugirá de vós). Jogar na retranca nem sempre é uma boa!