“Um leão é sempre um leão!”

“E disse-me um dos anciãos: Não chores; eis aqui o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, que venceu, para abrir o livro e desatar os seus sete selos” (Apocalipse 5.5)

 As 32 Seleções deste mundial da FIFA conseguiram fazer suas frases para estampar nos ônibus de maneira bem sugestiva. Essa em lide, pertence a delegação da República dos  Camarões, um país da região ocidental da África Central. Muito linda a frase escolhida por Camarões: “Um leão é sempre um leão!”. A frase da Bélgica é: “Espere o Impossível!”, outra frase belíssima e de um significado bem profundo. Já a Argentina escreveu assim: “Não somos uma equipe, somos um país”, apelando para o nacionalismo, muito legal. Camarões é um povo que tem respeito pelo leão, porquanto eles são sabedores das histórias que esse animal aprontou e apronta até hoje na África. Animal valente, robusto em força e violento para com suas presas, não escapando nem os homens, principalmente crianças. A Bíblia confirma a força do leão: “O leão, o mais forte entre os animais, que não foge de nada” (PV 30.30). Na Bíblia acha-se a história do mais famoso leão do mundo, o Leão da tribo de Judá, referindo-se a Jesus Cristo. Jesus é considerado o Leão. Não o leão rei dos animais, mas o rei dos reis e Senhor dos senhores. Jesus é rei para aqueles que o aceitam como Salvador. Jesus é o único leão que já destruiu a sua presa maior: Satanás e também a morte. Jesus é o mesmo ontem, hoje e eternamente, ou seja, um leão é sempre um leão!

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook