“Porque para Deus nada é impossível” (Lucas 1.37).

 A frase escolhida pela Seleção francesa é marcada pelo otimismo, pela fé e determinação dos jogadores e comissão técnica em invadir o maracanã para jogar a final da COPA do Mundo e essa façanha não é impossível, pois a França está bem na fita. A frase não dá margem para dúvidas e nem para se pensar em perder ou empatar com os adversários, mas ganhar de todos eles e ser campeã do mundo. “Impossível não é francês”, e muito menos Brasil, porquanto a Seleção de Filipão não pensa, também, em perder em casa, com milhões de brasileiros empurrando a seleção canarinho. Vamos que vamos Brasil! Pois todos estão confiando na sua vitória e no ânimo e disposição dos jogadores. Impossível não é coisa para Deus. Muitos milagres e curas divinas deixam de ser realizadas pelos cristãos fiéis ao Senhor todos os dias e em todos os lugares porque eles não alcançam fé suficiente para curar as enfermidades que assolam a humanidade. Jesus certa vez repreendeu aos seus discípulos por não exercitarem a fé:  “E Jesus lhes disse: Por causa de vossa incredulidade; porque em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e há de passar; e nada vos será impossível” (Mateus 17.20). Realizar milagres é uma tarefa que Jesus deixou para a sua igreja fazer e todos devem se empenhar, se consagrar e se santificar para que o Espírito Santo possa usá-los com poder e grande glória. Ao crente não é possível salvar, mas pode conduzir milhares e milhares aos pés do Salvador Jesus, basta pregar o Evangelho. “Os seus discípulos, ouvindo isto, admiraram-se muito, dizendo: Quem poderá, pois salvar-se? E Jesus, olhando para eles, disse-lhes: Aos homens é isso impossível, mas a Deus tudo é possível” (Mateus 19.25,26). Tudo é possível para Deus.