“Então tornaram a perguntar ao Senhor se aquele homem ainda viria ali. E disse o Senhor: Eis que se escondeu entre a bagagem. E correram, e o tomaram dali, e pôs-se no meio do povo; e era mais alto do que todo o povo desde o ombro para cima. Então disse Samuel a todo o povo: Vedes já a quem o Senhor escolheu? Pois em todo o povo não há nenhum semelhante a ele. Então jubilou todo o povo, e disse: Viva o rei!” (1 Samuel 10.22-24).

Não é a primeira vez que na Bíblia relata alguém se escondendo, fugindo de suas responsabilidades. Já no Éden, Adão e sua mulher Eva fugiram da presença de Deus e se esconderam entre as árvores do jardim com medo de enfrentar a gloriosa presença do Senhor, Criador do céu, da terra e do próprio homem: “E chamou o Senhor Deus a Adão, e disse-lhe: Onde estás? E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me.” (Gênesis 3.9,10). Geralmente, quando o homem foge da presença de Deus é porque tem medo do juízo do Senhor. Quando isso acontece é porque o ser criado está em falta, ou seja, cometeu alguma coisa grave que foi do desagrado do Altíssimo. O profeta Jonas também fugiu da presença de Deus. Este, havia lhe incumbido de pregar a uma nação idólatra e perversa, os ninivitas, porém, o profeta Jonas não quis ir pregar àquela nação e acabou fugindo da presença do Senhor e por isso pagou um preço muito alto pela sua desobediência. Saul, antes de ser rei de Israel acabou fugindo e indo se esconder entre a bagagem, mas o próprio Deus é quem revelou a Samuel onde estava o futuro rei e quando o acharam o aclamaram rei de Israel. Quantas pessoas tem procurado fugir da presença de Jesus Cristo; ou mesmo de suas responsabilidades, após terem sido chamados pelo Espírito Santo para realizarem uma tarefa relacionada com a Obra de Deus. Se Deus lhe chamou para executar um trabalho espiritual é melhor você obedecer, pois o Senhor não deixa barato para aquele que o desobedece. Não se esconda de Deus!