“Não me lances fora da tua presença, e não retires de mim o teu Espírito Santo. Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário. Então ensinarei aos transgressores os teus caminhos, e os pecadores a ti se converterão.” (Salmos 51.11-13).

No livro de Lamentações de Jeremias está escrito o seguinte: “Converte-nos, Senhor, a ti, e nós nos converteremos; RENOVA os nossos dias como dantes” (Lamentações 5.21). Davi, o mais famoso entre os reis de Israel orou a Deus e lhe pediu que permitisse ele ter de volta a paz, a alegria e a salvação, pois, devido as suas transgressões ele sentia que havia se distanciado do Senhor. Quando o homem reconhece a sua culpa e os males que causou aos seus semelhantes, e busca no perdão o reparo perfeito, então, Deus se compadece de misericórdia e torna a abençoar novamente a pessoa. Jesus em seus sermões ele falava com frequência sobre o amar a Deus e uns aos outros, banindo de vez os ressentimentos e se auto-perdoando. Somente Jesus pode fazer a cirurgia interior, anestesiando a dor e curando a ferida por mais profunda que seja. Jesus é a única pessoa que pode sarar os males de nossas lembranças e dores, e ele o fará por meio da cura interior, basta que: haja em nós vontade de sermos libertos do domínio de Satanás; determinação para deixarmos Cristo curar nossa mente; desejo imensurável para ficarmos integralmente sãos; e que haja em nós poder de decisão para permanecer sãos e firmes na fé. Jesus Cristo é o único que pode voltar no tempo e no espaço e tocar no nosso passado, apagando todas as mágoas, todo ressentimento e nos motivar novamente, curando a nossa mente, pois, Ele “… é o mesmo ontem, hoje e eternamente” (Hebreus 13.8). Se o homem abrir o seu coração para Deus, querendo ser verdadeiramente e integralmente curado no seu interior; se quiser obter a paz interior, Jesus Cristo tem o máximo prazer em efetuar essa cura maravilhosa. “O Pai nos tirou da potestade das trevas e nos transportou para o Reino do filho do seu amor, Em quem temos a redenção dos pecados” (Colossenses 1.13,14). A operação da cura interior, diz Betty Tapscott, não é apenas voltar ao passado e desenterrar de lá os detalhes mais sórdidos. Não é procurar ver qual a quantidade de lixo de que nos lembramos; mas é jogar fora todo o lixo que ali encontrarmos. É deixar que Jesus Cristo faça brilhar sua luz divina em todos os recantos escuros onde Satanás escondeu as mágoas e lembranças dolorosas. A operação da Cura interior faz com que Deus nos dê um coração novo. “Lançai de vós todas as vossas transgressões com que transgredistes, e criai em vós um coração novo e um espírito novo; pois por que razão morreríeis, ó casa de Israel? (Ez 18.31). A Bíblia diz: “Porque do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os adultérios, as prostituições, os homicídios, os furtos, a avareza, as maldades, o engano, a dissolução, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a loucura. Todos os males procedem de dentro e contaminam o homem” (Marcos 7.21-23). Em razão do acima descrito é que o homem necessita urgentemente de Cura Interior. Voltar ao estado anterior, de comunhão e vitórias, só se ocorrer o fenômeno da cura interior.