“E disse-lhes: Vem porventura a candeia para se meter debaixo do alqueire, ou de baixo da cama? Não vem antes para se colocar no velador? Porque nada há encoberto que não haja de ser manifesto; e nada se faz para ficar oculto, mas para ser descoberto”. (Marcos 4.21,22).

Vez por outra me deparo com alguns escândalos no seio da igreja de Cristo, de modo que alguns de tão entristecidos acabam deixando a congregação e até mesmo a fé cristã, afastando-se da fé e do convívio da igreja, ou seja, apostatam do caminho da verdade e vestem a capa da justiça e da santidade no manequim da hipocrisia, de modo a encobrirem suas iniquidades diante da comunidade evangélica. Não adianta manter o pecado e o erro escondidos, pois o Senhor Deus todo poderoso não se deixa escarnecer. Não se consegue disfarçar o erro por muito tempo, logo, logo ele virá à tona. A vida cristã é marcada pelo poder de Jesus Cristo. O Espírito Santo é o responsável em orientar a Igreja do Cordeiro e levar a noiva a Ele. Quantos estão lutando para se manterem firmes na fé, mesmo com as dificuldades e opressões da vida? São muitos, centenas e milhares que conseguem manter uma comunhão com Deus e se firmar na graça, no conhecimento e na fé, à semelhança de uma luz, uma candeia posta no velador. Não permita que seu testemunho fique encoberto, mas apareça no radar de Deus. Faça alguma coisa útil ao reino de Deus: evangelize, testemunho de tudo o que o Senhor fez por você, não permita que Satanás faça de você um escravo, mas vença-o pela fé e conhecimento da Palavra de Deus. Alguns estão cada dia mais fracos na fé, e como consequência disso é que levam uma vida de aparência, escondem-se do Espírito Santo e pagam uma imagem de santidade diante da igreja onde congregam, de modo, que seus erros e pecados continuam encobertos, ou seja, não confessam as suas falhas e por isso não são vitoriosos em Cristo. Não adianta esconder, tudo virá a ser descoberto