Quem deve a Deus se esconde dele

“E chamou o Senhor Deus a Adão, e disse-lhe: Onde estás? E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me. E Deus disse: Quem te mostrou que estavas nu? Comeste tu da árvore de que te ordenei que não comesses? (Gênesis 3.9-11).

A passagem em lide diz respeito à queda do homem. Quando Adão e Eva comeram do fruto da árvore que estava no meio do jardim, a qual havia sido proibida por Deus. Após a desobediência em série acabaram se escondendo, porém, ninguém consegue fugir do Senhor sem ser por Ele achado novamente: “Se subir ao céu, lá tu estás; se fizer no inferno a minha cama, eis que tu ali estás também”. (Salmos 139.8). Deus desde o Jardim do Éden optou em procurar o homem fugitivo, que se esconde toda vez que tem alguma pendência no campo espiritual. Antes do primeiro casal procurar o Criador, este saiu em busca deles pelo jardim: …Adão, onde estás?. Deus os procurou porque os ama e não queria que eles fugissem de sua presença. Tal fato Ele repete até hoje, e caso você esteja em alguma dificuldade para encarar Deus, então, tome uma posição imediatamente e lhe peça perdão e recomece uma vida de santidade e paz de espírito. O homem procurado pelo Senhor é alguém que ele muito ama, e deseja perdoar e restaurar a vida espiritual a fim do Espírito Santo poder fazer dele um grande vaso de honra: você é esse homem? É essa mulher? Se sim, aproveite para voltar logo para os braços do Senhor o qual te ama muito. O homem procurado por Deus pode encontra-se em pelo menos três estados espiritualmente falando: Perdido, longe de Deus, totalmente distante, fugindo de tudo e de todos, brigado com Cristo e com sua Igreja, fugitivo, descrente de tudo que se relaciona com o divino, porquanto, está cego, nu, oprimido, apóstata da fé, como ovelha que não tem pastor, porém, no jardim, em casa ou talvez na igreja, congregando como se nada de anormal esteja acontecendo em sua vida; a segunda opção é o estado de total perigo, desnutrido física e espiritualmente, longe de Deus, da família e das pessoas que lhe podem ajudar, como o filho pródigo na passagem de Lucas 15.4-32; e por último ele pode encontra-se em perfeito estado espiritual, alegre com Deus, fiel a Deus, honrando seus compromissos como crente salvo, porém, ainda não se apresentou para um trabalho mais específico, mais arrojado, de maior responsabilidade, onde o Espírito Santo tem em sua vida um maior domínio (leia Ezequiel 2.1-7). Se você deve a Deus, então, pague o que deve, não adianta se esconder dEle. Lembre-se do que ocorreu com o profeta Jonas que preferiu a fuga!

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook