Cristo o bom Pastor

“Eu sou o bom Pastor, o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas” (João 10.11)

O salmista expressa, no Salmos 23, a sua canção cheia de amor e agradecimento pelo bom pastor, que além de proteger, alimenta e vela com caridade e perfeição as suas ovelhas: “Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranqüilas. Refrigera a minha alma. Guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome” (Sl 23.2,3). Todos os salmos da Bíblia são lindos e maravilhosos, porém, o 23 eu considero uma sumidade em termos de ensinamentos que edificam a alma. Davi foi um grande compositor. Ele compôs vários salmos, mas o 23 ele caprichou um pouco mais. Jesus Cristo é o bom pastor, que dá a sua vida pelas ovelhas. A expressão “Jeová-Rohá” é como o salmista faz menção no verso primeiro: “O Senhor é o meu pastor…” (Sl 23.1). Davi considerava o Senhor Deus de Israel o seu companheiro, não somente nas horas alegres, como também nos momentos de tensão, de angústia e em meio à tribulação e sofrimento da vida. A expressão “Jeová-Sammá” significa, O Senhor é meu companheiro. Como é bom ter um companheiro que possa nos assistir a todo e qualquer momento que precisamos. Quantos deixaram a companhia de Cristo, não mais se lembram do que o Senhor fez por ele, mas nessa palavra, te exorto a voltar ao primeiro amor e lutar para que Cristo volte a ser o seu companheiro inseparável, e assim, você volte a ter sucesso nas batalhas diárias. Jesus Cristo como o bom pastor é capaz de orientar suas ovelhas aos pastos verdejantes e a trilharem caminhos direitos que os levem as fontes de águas vivas. Ele, como bom pastor pode consolar a todos que estão tristes e abatidos, fracos na fé e desanimados de prosseguirem a caminha cristã: “Mas Deus, que consola os abatidos, nos consolou …” (2 Co 7.6).  Paulo disse: “Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.” (2 Co 1.3,4). Cristo é o bom pastor. Ele jamais deixará suas ovelhas sem o bom alimento, um ótimo descanso e uma sábia orientação, a fim de conduzi-las as mansões celestiais. Cristo é o nosso supremo pastor. A sua Palavra é que nos alimenta. Ele disse: “Eu Sou o pão da vida”, “Eu Sou a água da vida”. Ele mesmo é quem falou: “Vinde a mim todos vós que estais cansados e oprimidos e eu vos aliviarei…”. Somente Ele é capaz de proporcionar ao homem o descanso Eterno e a paz interior. A sua proteção é tão marcante que não tem como desviar de sua presença e nem tomar atalhos para atingir os objetivos da vida aqui nesta terra. Se aplicarmos o coração para fazer a Obra de Deus, promovendo o crescimento do Reino de Deus, então, Ele, o bom pastor nos orientará e seremos mais do que vencedores.

Cristo é o bom pastor, e o bom pastor dá a sua vida pelas ovelhas. Cristo deu a sua vida pela salvação de todo aquele que nEle crer.

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook