Limpando o almoxarifado e jogando fora o indesejável (Texto extraído do volume III da coleção Nas Asas do Espírito de autoria do pastor Orcélio)

“Aparte-se do mal, e faça o bem; busque a paz, e siga-a!” (1 Pedro 3.11)

No almoxarifado de nossa vida, encontram-se muitas coisas que foram acumuladas durante anos e anos porque não fazemos um balanço diário a fim de aliviarmos o coração para começarmos um novo amanhecer. Outro dia, eu e minha esposa paramos uma manhã e uma tarde para verificarmos o que poderíamos jogar fora e, para nossa surpresa, muitos sacos de sucatas, objetos sem utilidade, aparelhos sem funcionar – ventilador, toca-fitas – equipamentos quebrados, arranhados, sem nenhuma utilidade, peças de objetos que um dia foram perfeitos enfim, muitas foram as coisas que separamos para serem jogadas fora. Vez por outra, é preciso que o cristão dê stop em sua vida, em sua caminhada de fé a fim de refletir se o cenário em que está vivendo é de intensa paz, se, verdadeiramente, tem sentido a presença do Espírito Santo, se suas orações estão realmente sendo respondidas, se aqueles que estão ao seu redor, debaixo de sua cobertura espiritual, ou seja, aqueles por quem ele ora e intercede estão de fato sendo abençoados, a fim de que se faça um balanço para melhorar o planejamento estratégico-espiritual. Ontem, no Fantástico, teve um quadro em que o repórter perguntou a várias pessoas se estavam preocupadas com sua vida daqui a trinta anos. As respostas foram unânimes: “Não me preocupo com a vida futura, com a minha velhice…” Nós, cristãos, temos que nos preocupar com o presente, preparando-nos sempre para a vida no porvir, ao lado de Cristo, nosso Salvador. Deus, certa vez, foi contundente com aqueles que pecavam no meio do seu povo: “Desde o homem até a mulher os lançarei fora do arraial, os lançarei para que não contaminem os seus arraiais, no meio dos quais eu habito” (Números 5:3). Deus não aceita conviver com pessoas que pecam, que têm prazer em pecar e não se preocupam com a santidade dos outros, mas, quanto mais pecam, mais sentem vontade de praticar a iniquidade, mesmo sabendo que podem ser lançados fora a qualquer momento da presença de Deus, pelo Espírito Santo. O salmista disse: “Aparta-te do mal, e faze o bem; procure a paz, e segue-a” (Salmo 34.14). Todos quantos desejam ser uma bênção nas mãos do Senhor precisam jogar fora algumas coisas que estão atrapalhando o seu crescimento espiritual, que têm dificultado a sua comunhão com Jesus Cristo que o têm afastado da fonte verdadeira. O profeta Samuel, à parcela desobediente do povo de Israel, disse: “… Se com todo o vosso coração vos converterdes ao Senhor, tirai dentre vós os deuses estranhos e os astarotes, e preparai o vosso coração ao Senhor, e servi a ele só, e vos livrará da mão dos filisteus” (1 Samuel 7.3). Neste versículo se acha um grande segredo para a vitória: lançar fora os ídolos, os deuses estranhos e preparar o coração para receber a porção dobrada do Espírito Santo, as bênçãos celestias em Cristo. Meu amigo e irmão em Cristo, não permita que as coisas velhas te impeçam de um dia morar no céu. Não permita que elas lhe tirem a oportunidade de ser feliz neste mundo. Limpe já o seu almoxarifado e lance fora o indesejável, para que o Espírito Santo possa habitar em você – “… Cada um lance de si as abominações dos seus olhos, e não vos contamineis com os ídolos do Egito; eu sou o Senhor vosso Deus”. Lembre-se de que, entre as coisas que se deve jogar fora, está a principal: o pecado.

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook