Quem pode entender os próprios erros?

“Quem pode entender os próprios erros? Expurga-me tu dos que me são ocultos” (Salmos 20.12).

Eu imagino o patriarca Jó, tentando entender o por que que num dia só o mundo desabou sobre a sua cabeça, a sua vida. Talvez, ele tenha se perguntado: Qual foi o meu erro? Ou, o que fiz ó Deus, para merecer tudo isso de uma só etapa? Onde reside a minha imprudência? O caso de Jó é diferente dos problemas enfrentados por centenas de pessoas. No que aconteceu com o patriarca, na verdade ele não fora o culpado por tão grande desgraça, que culminou na morte de dez filhos, sendo sete homens e três mulheres. Existem pessoas que estão em dificuldades, em várias áreas da vida, por causa de seus próprios erros. Há quem diga: “errar é humano”. Sim é verdade, porém, quando se erra tendo o conhecimento dos efeitos que ele irá causar a outrem, isso é pecado. Na vida é preciso arriscar algumas vezes, porém, tudo que se deve fazer é preciso cautela e sensatez. O Ex-presidente dos Estados Unidos da América, Theodore Roosevelt dizia quando em vida: “O único homem que nunca comete erros é aquele que nunca faz coisa alguma. Não tenha medo de errar, pois você aprenderá a não cometer duas vezes o mesmo erro”. Esta verdade deve servir de espelho para as suas realizações. Somente arriscando, fazendo ou criando é que se pode atingir a perfeição ou não. Não tenha medo de errar, tenha medo sim de cometer erros conscientes com o propósito de prejudicar o seu semelhante. Erros conforme a passagem bíblica em lide pode ser entendida como iniquidade ou pecado, por isso, é que o salmista pede para que Deus expurgue aqueles pecados cometidos ocultamente, que a consciência registrou, mas que a pessoa em si não tomou ciência, talvez, por pensamentos passageiros. Quem pode entender os próprios erros? Se você cometeu erros, trate de repará-los enquanto está nesta vida. Deus te abençoe!

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook