Carros de Deus, carros que nos trazem esperança

“E outra vez levantei os meus olhos, e olhei, e vi quatro carros que saíram dentre dois montes, e estes montes eram montes de metal” (Zacarias 6.1).

Os carros e carruagens de Deus trazem alegria e revigoram a esperança. O patriarca Jacó estava numa tremenda tristeza e desilusão desde que soube da morte de seu filho José. Quando a fome chegou e as dificuldades surgirão em todo o contexto de sua vida e de sua família, seu filhos foram na única fonte buscar alimento, o Egito. Um dia eles descobriram que o governador que presidia os negócios de Faraó era José, filho de seu pai Jacó. Jacó ouviu o relato de seus filhos sobre José, porém Jacó permanecia calado e triste, pois se eles mentiram a primeira vez, poderiam estar mentindo de novo, porém, quando ele viu os carros que José enviara, então reacendeu a sua alegria e o seu espírito voltou a ter vida nova: “Porém, havendo eles contado todas as palavras de José que ele lhes falara, e vendo ele os carros que José enviara para levá-lo, reviveu o espírito de Jacó, seu pai. E disse Israel: basta, ainda vive meu filho José, eu irei e o verei antes que eu morra” (Gn 45.27,28). Em alguns casos o homem crente precisa de uma injeção de ânimo, de um vigor maior em seu espírito abatido e tais incentivos devem vir das mansões celestiais, diretamente de Deus. Assim como Jacó, estava também o neto do rei Saul e filho de Jônatas, o moço Mefibosete. Na terra de Lo-Debar e vivendo de favor na casa de Maquir, ali ele curtia seus dias de lamentações: sem família, sem bens materiais nenhum, sem poder se locomover com suas próprias pernas, pois era deficiente de ambas as pernas, ali estava no solo Mefibosete. Ele mesmo se considerava um cão morto: “Então, se inclinou e disse: quem é teu servo, para tu teres olhado para um cão morto tal como eu? (2 Sm 9.8). Tal como Mefibosete, existem muitos que se depreciam a si mesmo e não mais acreditam que podem dar a volta por cima e começar uma nova vida, debaixo da graça e das bênçãos de Deus. Os carros reais enviados por Davi chegaram naquela terra improdutiva, Lo-Debar e da casa de Maquir levaram Mefibosete à presença do monarca Davi. Mefibose foi grandemente abençoado. Davi lhe restitui as terras que eram de seu pai Jônatas e seu avô Saul. Diariamente, ele comia à mesa com o rei e ninguém dizia que ele não era da realeza: “Morava pois Mefibosete em Jerusalém, porquanto e contínuo comia à mesa do rei e era coxo de ambos os pés” (2 Sm 9.13). Em alguns casos, o ministério de alguns obreiros está por um fio. Nada dá certo, os milagres não acontecem e o desânimo parece tomar conta de seu coração e o desejo é largar tudo e tentar outro caminho. Eliseu estava pegando firme no trabalho material. Parecia que nada de novo poderia alavancar sua chamada de profeta, até, que apareceu Elias e depois o carro de fogo, com cavalos de fogo e a partir daí ele foi cheio do Espírito Santo e recebeu porção dobrada do Espírito: “E sucedeu que, indo eles andando e falando, eis que um carro de fogo, com cavalos de fogo, os separou um do outro e Elias subiu ao céu num redemoinho” (2 Reis 2.11). A partir daquele momento os milagres começaram a acontecer: “E tomou a capa ade Elias, que lhe caíra, e feriu as águas, e disse: onde está o Senhor, Deus de Elias? Então, feriu as águas, e se dividiram elas para uma e outra banda e Eliseu passou” (2 Reis 2.14). Carros de Deus, são carros que nos trazem esperança. Deus tem hoje para você uma nova trilha, um novo leito, e como um rio você irá correr. As bênçãos do Senhor estão sobre ti, basta tão somente você crer e deixar o Espírito Santo te reavivar novamente. Aleluia!

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook