“De tudo o que se tem ouvido o fim é: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos; porque este é o dever de todo homem” (Eclesiastes 12.13).

 

Salomão, filho de Davi, no livro de Eclesiastes expressa seu verdadeiro amor para com o Deus de Israel. Em meio a coleção de ensinamentos práticos e experiências da vida, deixa-nos um legado de conselhos testados e aprovados, os quais são importantes para o nosso viver cristão.Pelo menos duas coisas são de fundamentais importâncias no texto em lide: o Temor a Deus e a guarda dos mandamentos divinos no coração, a fim de não pecar contra Ele.Quem teme a Deus é coroado de virtudes e bênçãos. O salmista diz que a grande bondade de Deus foi guardada para os que O Temem (Sl 31.19).O sábio monarca Salomão disse: “O Temor do Senhor aumenta os dias…” (Pv 10.27). O temor do Senhor é o princípio da sabedoria. Não podemos ser felizes sem que tenhamos temor a Deus.O temor enobrece o homem diante do Senhor Deus.A segunda coisa vital na vida do homem é na verdade guardar os Seus mandamento. Jesus Cristo resumiu toda a lei de Moisés no Novo Testamento com a seguinte expressão: “Um Novo Mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros, como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis.” (João 13.34).São apenas dois mandamentos, duas coisas importantes que Deus quer de todos os homens: temer a Ele e guardar os Seus mandamentos!