“Olhos de Profeta”?

“E ele disse: Não temas porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles” (2 Reis 6.16).

 

Quanto mais experientes nos tornamos no caminho cristão, ao ponto de nos conscientizarmos que sabemos tudo acerca da obra de Deus, percebemos que estamos é longe de saber tudo.

Outro dia um companheiro de ministério me surpreendeu quando em sua pregação disse ao auditório que uma pessoa se aproximou dele na rodoviária e lhe transmitiu uma mensagem da parte de Deus, e os seus olhos eram “olhos de profeta”. Achei a expressão interessante, porém, eu sempre gosto de pesquisar sobre alguma coisa que faça o meu intelecto palpitar.

“Olhos de Profeta”, eu creio, na concepção do jovem pastor diz respeito a pessoa que tem uma visão privilegiada das coisas e das pessoas. Alguém, que na sua simplicidade é usada pelo Espírito Santo ou mesmo o próprio Deus, como foi o caso de Eliseu e ver além do horizonte.

Na passagem em lide o Exército da Síria, cujo monarca era Ben-Hadade antes de atacar Samaria, parou diante da casa do profeta Eliseu. As tropas sírias foram primeiro vistas pelo servo do profeta, Geazi, o qual ficou desesperado: “E o moço do homem de Deus se levantou mui cedo e saiu, e eis que um exército tinha cercado a cidade com cavalos e carros; então, o seu moço lhe disse: Ai! Meu senhor! Que faremos? (2 Reis 6.15).

Quem tem os “olhos de profeta”, consegue pela fé e mediante os dons espirituais (1 Coríntios 12.1-11) ver coisas e pessoas, visões e revelações que o homem natural não consegue contemplar. Ter “olho de profeta” não é para qualquer um crente, mas somente para aqueles que tem uma vida consagrada, dedicada ao Senhor e que vive em santificação, de modo que, como vaso de honra, é usado em potencial pelo Espírito Santo do Senhor.

A Bíblia fala de olhos de Deus (Dt 11.12; Hb 4.13); olhos bons (Mt 6.22); olhos maus (Mt 6.23); Olhos pesados (Mt 26.43); olhos que se escurecem de mágoas (Jó 17.7); olhos que se consomem de tristeza (Sl 31.9); olhos que desfalecem de aflição (Sl 88.9); olhos que piscam escarnecendo (Sl 35.19); olhos que derramam torrentes de águas (Lm 3.48); Olhos cheios de concupiscências (1 João 2.16); olhos cheios de adultério (2 Pe 2.14); olhos como chama de fogo (Ap 1.14) e muitos outros tipos de olhos, mas não tem na Bíblia “olhos de profeta”, e nem por isso deixaremos de acrescentar a nossa lista de curiosidades, como sendo os olhos de alguém que é usado tremendamente por Deus e vê além do horizonte, vê porque o Espírito Santo lhe mostra. Amém!

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook