Não estou entre os espinhos, mas entre as roseiras.

“Qual o lírio entre os espinhos, tal é a minha querida entre as donzelas” (Cantares 2.2).

 

Jesus contou uma parábola, a do semeador, onde ele saiu a semear as sementes e as mesmas caíram em lugares inapropriados, entre eles entre os espinhos: “E outra caiu entre espinhos, e os espinhos cresceram e sufocaram-na.” (Mateus 13.7).

Os espinhos nessa parábola representam as adversidades da vida. Quantas vezes o cristão se empolga e se anima em vencer na vida e as dificuldades existentes no mundo e as promovidas por Satanás acabam lhe tirando a felicidade do coração. É bom quando o homem aprende a confiar mais em Deus e viver segundo a Sua vontade, pois, assim procedendo, certamente, ele alcançará os seus objetivos e terá os seus sonhos realizados nesta terra.

Os espinhos são capazes de ferir profundamente. Sufocam a pequena árvore ou arbusto que esteja em desenvolvimento. Quantos espinhos tem atrapalhado a vida de cristãos que não vigiaram e acabaram atraídos pelas astutas ciladas do Diabo. Não permita que os espinhos desta vida, ou seja, tudo aquilo que atrapalhe o crescimento de sua vida cristã, lhe afastem de Deus, não lhe deixando respirar o ar promovido pelo Espírito Santo: “E outra caiu entre espinhos e crescendo com ela os espinhos, a sufocaram.” (Lucas 8.7).

É melhor está entre as roseiras do que entre os espinhos. As rosas são perfumadas, são agradáveis, são puras e atraem as abelhas que produzem o mel. É bom quando você tem perto de você pessoas que te consideram e de querem bem. Sai de perto dos espinhos, que nem sombra produzem e só servem para te sufocar e te fazer chorar. Junte-se à rosa de saron, ao lírio dos vales. Jesus é a nossa rosa de Saron e nosso lírio dos vales, a nossa estrela da manhã: “Eu sou a rosa de Saron, o lírio dos vales.” (Cantares 2.1).

Saron nada mais é do que uma região da Palestina entre as montanhas de Efraim e o Mar Mediterrâneo. Uma terra que, antes de Cristo era como a terra de Ló-Debar, depois, como o povoamento da mesma pelo escolhido por Deus, os judeus, ela se tornou produtiva cumprindo-se assim a promessa de Deus para Israel.

Espero que você, hoje possa dizer: não estou entre os espinhos, mas entre as roseiras. Não estou no mundo, mas em Cristo. Não vivo mais para sofrer, porém, vivo minha vida em Cristo e sou muito feliz.

Pr. Orcélio Amâncio

Pr. Orcélio Amâncio

José Orcélio de Almeida Amâncio é o atual pastor presidente da igreja Evangélica Assembleia de Deus, igreja do Novo Milênio, localizada no Núcleo Bandeirante, Brasília DF. O pastor Orcélio é formado em letras(português-hebraico) pela universidade Estadual do Rio de Janeiro, é Bacharel em teologia, realizou o curso na escola de preparação de obreiros evangélicos (EPOE), no Rio de Janeiro, onde foi coordenador do ensino por seis anos; também, possui o curso básico de teologia da FATAD, em Brasília, durante dez anos, lecionou ali a língua hebraica e variadas disciplinas teologicas. É pós-graduado em docência do ensino superior pela faculdade Albert Einstein (FALBE) de Brasília DF.

Comentários no Facebook