“Já não falarei muito convosco, porque se aproxima o príncipe deste mundo, e nada tem em mim.” (João 14.30).

Jesus estava prestes a ser entregue as autoridades judaicas e romanas para ser julgado e depois crucificado no Gólgota. No capítulo 14 do Evangelho de João Ele dá esperança aos seus discípulos dizendo que partiria e prepararia morada por todos eles: “Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.
Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.” (João 14.1-3).

Essas palavras serviram para alentar o coração de seus discípulos e trazê-los para mais perto de si mesmo. A palavra que me chama à atenção no versículo 30 é que Jesus diz que “nada tem nele”, ou seja, Satanás iria se manifestar, como príncipe deste mundo e que Ele, Jesus, não tinha nada que pertencesse ao Diabo.

É muito bom quando você levanta-se pela manhã e deita-se à noite em sua cama e percebe que está com a alma tranquila, em paz, radiante de alegria e que não tem nada que lhe acuse e que lhe tire a tranquilidade, de modo a lhe fazer perder o sono, ou melhor, você não deve nada ao inimigo de nossas almas; você não tem consigo nada que seja do Diabo. Você passou o dia e não usou a MENTIRA que faz parte do vocabulário dele; você não falou PALAVRAS TORPES que faz parte do seu dicionário pecaminoso; você não furtou, não roubou, nem fez nenhum tipo de crueldade com seu próximo, você não lesou ninguém, você somente procurou ajudar as pessoas, etc. Ai estão alguns motivos que nos afastam ou nos aproximam do Diabo.

Quando andamos segundo a vontade de Deus, e obedecemos a voz do Espírito Santo, então, podemos dizer como disse Jesus Cristo: “Nada tenho dele (Diabo) em mim”! continue assim, lutando por uma vida feliz e cheia da graça do Senhor.