“Espera no Senhor, anima-te, e ele fortalecerá o teu coração; espera, pois, no Senhor.” (Salmos 27.14).

Sempre ouvi alguém dizer: “Quem espera sempre alcança”, porém, num mundo globalizado como o nosso, onde a competição é uma estratégia de guerra e as pessoas lutam com unhas e dentes por um espaço no mercado, ser acomodado, ficar esperando a banda passar, talvez possa diminuir as chances de a pessoa alcançar seus objetivos com mais rapidez.

Quando salmista diz: “esperei com paciência no Senhor”, certamente, ele sabe que o Senhor irá lhe atender, cedo ou mais tarde, porquanto, sua confiança, sua fé e esperança em Deus é sempre crescente e ele não fará como muitos: cruzar os braços e deixar o tempo passar, mas irá fazer como recomenda o salmista no salmo em lide: se animar, fortalecer o coração e isto se faz com oração, leitura e meditação na Palavra de Deus, assiduidade aos cultos e dedicação à obra do Senhor.

Fazendo assim, o homem e a mulher de Deus encontrará paz para sua alma e crescerá em esperança e fé. Jerimias dizia: “Bom é ter esperança, e aguardar em silêncio a salvação do Senhor.” (Lamentações 3.26). Nem sempre o que esperamos de Deus vem no momento em que achamos que deve vir, ou seja, no meu tempo, mas tudo acontece no tempo do Senhor. Muitos, por não receberem logo a bênção e por não terem paciência para aguardar a vitória ou a resposta de Deus acabam murmurando: “Todavia aguardando eu o bem, então me veio o mal, esperando eu a luz, veio a escuridão.” (Jó 30.26). Enquanto Jó murmurou a bênção não chegou a ele, mas quando ele descansou em Deus tudo se voltou favoravelmente a ele e o Senhor confirmou a sua bênção.

É bom  dizer como o salmista dizia: “Mas eu esperarei continuamente, e te louvarei cada vez mais.” (Salmos 71.14). Esperar a vitória louvando ao Senhor Deus Todo Poderoso.