“E Davi tornava-se cada vez mais forte; porque o Senhor dos Exércitos era com ele.” (1 Crônicas 11.9).

Onde nascem os fortes? Os fortes nascem no Senhor, se alimentando de Sua Palavra e sendo fortificado no amor e na esperança, porquanto, a sua oração o torna robusto na fé.

Onde nascem os fortes? Não existe fortaleza e força espiritual fora da presença de Deus. O homem, se ele quiser nascer forte, precisa em primeiro lugar se aliar ao Senhor Jesus Cristo que venceu todas as batalhas da vida, inclusive, a morte. Ele mesmo disse: “…tende bom ânimo, Eu venci o mundo.”

Onde nascem os fortes? Nascem num território de iniquidade, de pecado, porém, por ele trafegar sem se contaminar, sem se envolver com negócios escusos, nem com os negócios corruptos desta vida terá que contar com a ajuda constante do Espírito Santo de Deus. Ser forte é fugir da prostituição, dos vícios, do caminho largo e de tudo que impede a operação do Espírito Santo em sua vida.

Precisamos temer ao Senhor. Os fortes nascem no temor do Senhor. Fazer a vontade de Deus é manter a chama da consagração, é preservar a vida santificada para um dia poder conviver com Ele para todo o sempre.

Onde nascem os fortes? Nascem debaixo do fogo do Espírito Santo, da unção maravilhosa de Cristo e do envolvimento na obra gloriosa do Evangelho. O salmista diz: “Quem é este Rei da Glória? O Senhor forte e poderoso, o Senhor poderoso na guerra.” (Salmos 24.8). Vale a pena servir a esse Deus forte e poderoso.

Onde nascem os fortes? Nascem no berço da sabedoria. Não na sabedoria que o mundo oferece, a qual é marcada pelo pecado e pela promiscuidade. Os fortes nascem na sabedoria de Deus: “O homem sábio é forte, e o homem de conhecimento consolida a força.” (Provérbios 24.5). O salmista sempre confiou em Deus e tinha a plena convicção de que ele era o seu alto refúgio: “Sou como um prodígio para muitos, mas tu és o meu refúgio forte.” (Salmos 71.7).

Onde nascem os fortes? Nascem quando encontram coragem para se decidirem por Cristo Jesus. Nascem quando encontram fé para dizerem com convicção: O Senhor Jesus Cristo é meu Senhor e Salvador. Quando isso acontece, Paulo diz que somos fortes: “Mas nós, que somos fortes, devemos suportar as fraquezas dos fracos, e não agradar a nós mesmos.” (Romanos 15.1).

Saiba neste momento que você é forte e ninguém poderá te derrubar, a não ser você mesmo. Creia no Senhor Jesus Cristo e serás forte. Amém.