“Então todas as árvores disseram ao espinheiro: vem tu, e reina sobre nós” (Juízes 9.14).

Essa passagem é conhecida como a parábola de Jotão, um dos filhos de Gideão que escapou do massacre promovido por seu irmão mais velho Abimeleque que, num só dia, matou seus setenta irmãos sobre uma pedra, só escapando Jotão porque se escondeu.

A parábola retrata o desprezo pela monarquia, pelo poder real, no simbolismo das árvores, vindo então o espinheiro a ser consultado para reinar sobre as demais.

O espinheiro não dá fruto e nem oferece sombra e nem segurança, símbolo do reinado mesquinho e pequeno de Abimeleque.

Seja qual for o ministério que Deus lhe deu ou está lhe chamando para assumir, não o despreze. Nunca se chega a uma posição de destaque sem que antes tenha que subir alguns degraus e passar por algumas lutas e batalhas necessárias para testar bem o seu caráter e o seu potencial como obreiro.

Não diga um NÃO para o seu Deus, pois o Senhor tem grande amor por você e está lhe oferecendo uma grande oportunidade porque você é capaz e tem vida espiritual, tem conhecimento bíblico e teológico, embora você se alto deprecie, e não ache que seja capaz, porém Deus já lhe testou em outras vezes e viu que você é o “cara”.

Você é aquele vaso que Deus usará nessas últimas décadas, se apresente a Ele e verás. Você aceitando será muito útil na obra e Deus. O Senhor tem projetos para com a sua vida, e em especial a sua família.

Aceite o convite, seja forte, não seja pessimista, dê uma chance para o Espírito Santo te usar.