“Ora, o Senhor disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei e engrandecerei o teu nome; e tu serás uma bênção. E abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra.” (Gênesis 12.1-3).

A história de Abraão é uma das mais fascinantes da Bíblia. Se hoje temos a nação de Israel, graças a fé, a disposição, a coragem, a persistência e a obediência deste servo humilde ao Senhor Deus Todo Poderoso. Ele saiu de Ur da Caldeia sem direção, mas com a promessa de que, se fosse fiel e obedecesse a Deus, seria uma grande nação e pai de um povo tal como as estrelas do céu ou a areia do mar, incontável.

Deus fez de Abraão, Sara e Isaque, uma grande nação. Hoje, o povo judeu está espalhado por entre as nações do mundo, sabe por que? Porque Deus é fiel: “Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa; porventura diria ele, e não o faria? Ou falaria, e não o confirmaria?” (Números 23.19). Deus não mente, mas cumpre fielmente o que promete ao homem.

O Senhor também disse a Abraão que o abençoaria grandemente, e a vida desse homem de Deus foi marcada pelo progresso, pela riqueza e pela proteção divina. Se hoje temos a nação de Israel como uma das maiores potências do mundo, graças as promessas de Deus ao Seu povo. Inúmeros povos, até maiores do que os hebreus desapareceram ao longo dos séculos, mas Israel permanece até hoje, porque o seu Deus é fiel e zela pelas suas promessas para as cumprir.

Veja que bênção maravilhosa: “O Senhor te abençoe e te guarde; o Senhor  faça resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti; o Senhor sobre ti levante o rosto te dê a paz”. Hoje, Israel desfruta dessa misericórdia e mesmo estando em estado de vigilância constante, a paz reina em Jerusalém e em toda “eretez Israel”

Deus cumpre fielmente a Sua Palavra. Suas promessas são infalíveis, porquanto, Ele reina para todo o sempre. Amém!