“Apascentai o rebanho de Deus, que está entre vós, tendo cuidado dele, não por força, mas voluntariamente; nem por torpe ganância, mas de ânimo pronto. ” (1 Pero 5.2).

Hoje, quero tratar diretamente com você. Sim, você que recebeu de Deus um rebanho para cuidar e não está cuidando como o Senhor quer.

O rebanho de Deus é a menina dos olhos de Cristo, e, além de ser a noiva do Cordeiro, é o que há de mais precioso tesourou na face da terra.

Jesus tem zelo por sua Igreja. Ele deixou o Consolador, o Espírito Santo para guardá-la, orientá-la e conduzi-la por este mundo vil depois que por ela morreu na cruz do Calvário. Jesus é o líder da Igreja. Todos os que cuidam desse rebanho, devem satisfação a Cristo. Quem pastoreia a Igreja de Jesus, não pode fazer com ela o que quiser, mas precisa receber dEle as orientações sábias para conduzi-la aos pastos verdejantes aqui na terra.

Para cuidar do rebanho de Cristo, em primeiro lugar, você deve cuidar de você mesmo. Não relaxe e nem negligencie com a sua vida espiritual. Não faça naufrágio em sua fé, nem deixe de orar e, principalmente, vigiar em todos os contextos da vida.

Satanás anda furioso procurando a quem possa tragar, e você, obreiro e obreira que trabalham na obra de Deus, não podem vacilar, muito menos fazer a obra fraudulentamente, negligentemente. Esteja firme lutando sempre por um testemunho melhor, não só diante do rebanho, mas da sociedade que lhe cerca e também de Deus.

O Senhor colocou em suas mãos a responsabilidade para cuidar de Sua igreja, do seu rebanho, então, não seja negligente, lute pelas ovelhas de Cristo e terás o galardão garantido. Faça como Moisés, dê de beber ao rebanho de Deus. Você tem capacidade, tem chamada e conhecimento bíblico, não deixe de alimentar e conduzir o rebanho aos verdes pastos, onde há também, água em abundância.

Saiba uma coisa: Deus não deu a igreja para você. A igreja é do Cordeiro, mas deu você à igreja, então, lute por ela, sacrifique por ela, consagre por ela e se possível, dê a sua vida, o seu gás, a sua força por ela. Aleluia!

Veja a admoestação do Senhor: “Vivo eu, diz o Senhor DEUS, que, porquanto as minhas ovelhas foram entregues à rapina, e as minhas ovelhas vieram a servir de pasto a todas as feras do campo, por falta de pastor, e os meus pastores não procuraram as minhas ovelhas; e os pastores apascentaram a si mesmos, e não apascentaram as minhas ovelhas.” (Ez 34.8). E complementa: “Assim diz o Senhor DEUS: Ai dos pastores de Israel que se apascentam a si mesmos! Não devem os pastores apascentar as ovelhas? ” (Ez 34.2).

Sirva de exemplo ao rebanho: “Nem como tendo domínio sobre a herança de Deus, mas servindo de exemplo ao rebanho. ” (1 Pedro 5.3). Não disperse o rebanho do Senhor por causa de seus atos e testemunho repreensível: “Portanto assim diz o Senhor Deus de Israel, contra os pastores que apascentam o meu povo: Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e não as visitastes; eis que visitarei sobre vós a maldade das vossas ações, diz o Senhor. ” (Jr 23.2).