“E Eliseu lhe disse: Que te hei de fazer? Dize-me que é o que tens em casa. E ela disse: Tua serva não tem nada em casa, senão uma botija de azeite.” (2 Reis 4.2).

É de fundamental importância o cristão não se encontrar diante de Deus com suas mãos vazias, mas ter sempre algo que possa apresentar ao Senhor quando Ele pedir para você apresentar algo para Ele.

Certa vez o pastor de ovelhas Moisés, sogro de Jetro subiu ao monte Horebe e lá contemplou uma cena nunca vista antes. Eli viu um arbusto pegando fogo e o fogo não consumia aquela sarça e ele entendeu que se tratava de algo divino e quando ouviu a voz do Senhor não teve mais dúvidas de que se tratava do Deus de Abraão, o Criador dos céus e da terra.

Quando Deus te chamar tenha sempre algo nas mãos, não se apresente a Ele com suas mãos vazias. Moisés estava no Horebe e Deus disse-lhe: “E o Senhor disse-lhe: Que é isso na tua mão? E ele disse: Uma vara. E ele disse: Lança-a na terra. Ele a lançou na terra, e tornou-se em cobra; e Moisés fugia dela.” (Êxodo 4.2,3). O milagre começa em nossas vidas quando Deus nos chama e temos algo em nossas mãos.

Quando Elias chamou a viúva de Sarepta, ela tinha em suas mãos apenas dois gravetos e um pouco de farinha na panela e um pouquinho de azeite na botija e a partir dali começou o milagre acontecer naquela casa. Diz a Bíblia: “E ela foi e fez conforme a palavra de Elias; e assim comeu ela, e ele, e a sua casa muitos dias. Da panela a farinha não se acabou, e da botija o azeite não faltou; conforme a palavra do Senhor, que ele falara pelo ministério de Elias.” (1 Rs 17.15,16).

Deus não inventa, mas trabalha com o que você tem nas mãos, lembre-se disso!