Disse-lhe, porém, o Senhor: Vai, porque este é para mim um vaso escolhido, para levar o meu nome diante dos gentios, e dos reis e dos filhos de Israel.” (Atos 9.15).

É bom demais quando o Senhor Deus se alegra com os seus filhos. Assim como o filho alegra seu pai ou a sua mãe com alguma atitude louvável ou alguma coisa boa, porque não alegrar aquele que criou o homem e todas as coisas deste mundo?

O cristão já está acostumado a receber mais e pouco dar. É prazeroso receber, mas muito mais o dar. A Bíblia diz: “Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos, e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber.” (Atos 20.25).

Deus se alegrou muito com Abraão quando Ele lhe obedeceu no monte Moriá, e por pouco não sacrificou o seu filho Isaque em obediência ao Senhor Deus. A fé do patriarca foi provada e hoje se acha o relato no capítulo onze da epístola aos Hebreus, encabeçando os heróis da fé. Abraão simplesmente alegrou a Deus. E você tem feito alguma coisa para agradar ao Senhor seu Salvador?

Joquebede, esposa de Anrão, mãe de Moisés, descumpriu o decreto de Faraó, pondo em risco a sua vida e a de sua família, para proteger ao seu filho que havia nascido. Ela escondeu o menino até o quanto pode, e depois teve que soltá-lo dentro de um cesto no rio e assim o menino se salvou e tornou-se o grande líder dos hebreus, tirando-os do Egito e os conduzindo pelo deserto. Joquebede alegrou ao Senhor Deus obedecendo-o em tudo. Quantos não conseguem preservar a vida espiritual, pelo simples fato de não querer obedecer os mandamentos do Senhor e nem temerem o seu nome, com isso entristecem ao Senhor.

Paulo alegrou muito ao Senhor Deus, pois quando o Senhor lhe deu uma visão no meio da noite: “E Paulo teve, de noite, uma visão em que se apresentava um varão da Macedônia e lhe rogava, dizendo: passa Macedônia e ajuda-nos! E logo depois desta visão, procuramos partir para a macedônia…” (Atos 16.9-40). Um relato de alguém que alegrou a Deus e provocou uma grande festa no céu, pois vidas foram salvas e alcançadas pelo Evangelho de Cristo.

É melhor alegrar a Deus do que a nós mesmos. Você tem alegrado a Deus? coloque um sorriso no coração de Deus, Ele merece se alegrar com seus atos, suas obras e seus pensamentos. Aleluia!